DOIS LIVROS DE FERNANDO DE CASTRO BRANCO

Publicado em Notícias
Ler 3602 vezes

fernando_branco Não foi propriamente uma surpresa, pois Fernando de Castro Branco (natural de Miranda do Douro, professor em Bragança) já vinha publicando poesia desde 2005 (Alquimia das constelações) e, de nosso conhecimento, tinha já editado cinco colectâneas de poemas.

Chegam-nos agora às mãos os dois últimos livros do Autor: Assinatura irreconhecível, de 2010, e A caminho de Avoriaz, de 2011, ambos com a chancela de Edições Cosmorama (onde de resto já vinha publicando), dirigida por um poeta: Jorge Melícias.

São dois livros belíssimos, com uma poesia que alterna entre o culto e o coloquial, mas sempre profundamente envolvida, cheia de emotividade (às vezes disfarçada ― o que só a reforça), em que o Autor reflecte sobre pessoas, lugares, a vida, a natureza, o espaço da memória pessoal, etc.

Um grande poeta e dois grandes livros de poesia.

 

Classifique este item
(0 votos)