Ciclo ‘Torga – Na rota do Diário’ no Parque Natural do Alvão

Publicado em Notícias
Ler 925 vezes

torga1 torga1 torga1 torga1 Prosseguiu o Ciclo ‘Torga – Na rota do Diário’, com a realização, no dia 26 de Maio de 2018, da 7.ª jornada, levada a efeito no Parque Natural do Alvão e orientada pela técnica responsável por aquele organismo, Dr.ª Albertina Rosa.
Na aldeia de Lamas de Olo houve uma paragem junto da igreja e cemitério, para a leitura de um soberbo passo do Diário XIII, que termina assim: «[...] Cada defunto lavado, asseado e descansado, a antegozar a hora feliz da ressurreição e da bem-aventurança no aconchego dos únicos sete palmos de terra que não teve de cavar.»
Seguiu-se a visita ao resto da aldeia.
Da parte de tarde, após o almoço em Bobal, foi a vez de visitar as célebres Fisgas de Ermelo, impressionantes quedas de água do rio Olo, também elas iluminadas pela palavra do poeta no Diário VIII: «Cá me vim debruçar também sobre o despenhadeiro das Fisgas [...]. E apreciei devidamente este misto de espanto e de terror. [...]»
Já no regresso a Vila Real, uma surpresa: paragem na Casa da Cruz, Campeã, para um covilhete e uma taça de vinho branco oferecidos pelos proprietários, Dr. Hilário Néri de Oliveira e Esposa, também eles participantes entusiastas nestas acções levadas a cabo pelo Grémio Literário Vila-Realense.

Classifique este item
(0 votos)