António Sá Gué

Publicado em Notícias
Ler 4815 vezes

O Grémio Literário Vila-Realense acaba de receber três obras deste autor trasmontano que, confessamos, desconhecíamos por completo até há poucos dias. As obras em causa são Fantasmas de uma revolução e As duas faces da moeda, romances, e Contos dos montes ermos.
António Sá Gué, natural de Carviçais (Torre de Moncorvo), onde nasceu em 1959, é uma agradável surpresa, pelo vigor da sua prosa e pela fluidez e desenvoltura da sua arte narrativa. O livro de contos, de temática rural, vale igualmente pela utilização da linguagem popular da Terra Quente Transmontana.

Classifique este item
(0 votos)