Fausto José evocado

Publicado em Notícias
Ler 4602 vezes

A sessão do Ciclo "Poesia Trasmontana e Alto-Duriense", realizada em 17 de Junho, foi dedicada ao poeta Fausto José (1903-1975). Natural de Armamar, no distrito de Viseu, aí viveu quase toda a sua vida, exercendo funções de conservador do Registo Civil em Porto Santo, Arouca e Peso da Régua e presidente da Câmara Municipal de Armamar.
Formou-se em Direito em Coimbra, onde estabeleceu relações de camaradagem com alguns dos nomes da Presença, a importante revista da chamada segunda geração modernista, na qual colaborou. Ao longo da vida manteria correspondência com José Régio e Alberto de Serpa – outros dois poetas da Presença, que aliás o visitavam frequentemente em Armamar.
Embora integrada no movimento da Presença, a poesia de Fausto José poucas afinidades estéticas e temáticas tem com as linhas de força presencistas.

Classifique este item
(0 votos)